Sunday, October 18, 2009

Não é suficiente.
Rimar palavras sobre a gente.
Eu não tenho tido argumentos.
Nem maneiras, nem todas as coisas
Que me fazem conseguir um poema.
Quando começo nunca termino
E o término é algo que não me interessa
Estou querendo começar tudo de novo
Muitos começos diferentes.
Entre nós, poucas diferenças.
Mas eu tenho sido feliz
Mais do que tenho estado feliz.
Tão ridiculamente.
Não sei se eu sinto o que você sente
Tão genuinamente.
Não dá. Está me saindo piegas esse poema.
Não é suficiente.
Rimar palavras sobre a gente.



Kate Polladsky

2 comments:

Milca said...

muito bom!
:D

noelle said...

talvez o meu preferido até agora.